Como dizer LUVAS em Inglês (dinheiro)?

Você não quer pagar mico dizendo luvas em Inglês como glooves, pay glooves, give glooves ou qualquer outra combinação esdrúxula para se referir a uma quantia financeira antecipada parte de uma negociação, quer?

Quando empregamos o termo luvas no mundo dos negócios, estamos nos referindo a uma remuneração extra. Por exemplo, alguns jogadores de futebol recebem um valor adicional que geralmente é pago no início de um contrato. Um bônus, para não dizer agrado. É visto como uma pré-condição para que se dê início às operações. Podemos pensar também no mercado imobiliário. Como uma empresa de uma grande marca que negocia com administradores de um shopping mall a abertura de uma das suas lojas nesse local. À seu favor, a marca conta com a sua forte reputação e autoridade em algum segmento o que implica trazer diversas pessoas ao centro comercial, beneficiando outras lojas que já estão estabelecidas nesse shopping mall. Assim, requer dos administradores do tal centro comercial um valor de entrada, ou seja, luvas.

Ocorre que, como em qualquer língua, frente ao inúmeros efeitos culturais que a influenciam e também à ótica da legislação de cada país (sendo no Brasil o pagamento de luvas não regulamentado – ficando esse expediente à mercê das chamadas “leis do mercado”), não é possível encontrarmos um único termo correspondente para a gíria luvas. Isso explica em parte porque podemos empregar um termo específico para cada ocasião.

Em um texto da Câmera de Comércio Sueca-Brasileira que explica sobre como se dão os negócios no Brasil, mais precisamente em um trecho que trata sobre questões locatárias, foi empregado o termo a certain cash amount, conforme se depreende do excerto abaixo:

In practice, the landlord may require to the tenant, off the record, upon the execution of the
corresponding lease agreement, in addition to the monthly rent, a certain amount in cash; or,
further, the tenant may receive from the person to whom it is transferring its lease agreement a
certain cash amount.

Tradução direta: Na prática, o proprietário pode requerer do inquilino, extraoficialmente, assim que assinado o contrato de locação, além do aluguel mensal, uma certa quantia em dinheiro (luvas), e posteriormente, o inquilino poderá receber de um novo locatário o qual ele transfere as suas obrigações locatárias, tal quantia. 

Já em outro texto da GP Investments foi possível encontrar o uso da expressão cession of rights para se referir às luvas:

ECISA derives its revenues from three major sources: rent (both a minimum fixed rent and a variable fee based on store turnover), cession of rights (“luvas”), and parking fees.

Tradução direta:  O grupo ECISA obtém as suas rendas de três fontes principais: aluguel (valor fixo e valor adicional baseado nos resultados da loja), cessão de direitos (luvas) e taxas de estacionamento. 

Em outro texto com instruções sobre como alugar um imóvel no Brasil, foi usado o termo non-refundable lump sum payment para explicar o que é luva. Vejam:

If you are renting a shop, the last landlord has the right to ask you for a “luva”. This is a non-refundable lump sum payment to the landlord when leasing commercial real estate paid before leasing and then again every 5 years.   

Tradução direta: Se você está alugando uma loja, o último proprietário tem o direito de lhe pedir uma luva. Esse é um pagamento não reembolsável para pontos comerciais e ocorre antes de alugá-lo, de cinco em cinco anos.

 

Download PDF

Comentários

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta