Como usar o Verbo to Be: Explicação do Verbo to Be

Como usar o Verbo to Be: Explicação do Verbo to Be – Aqui no Inglês no Teclado, você consegue encontrar diversos textos em que explicamos como usar o verbo to be. Entretanto, ainda faltava falamos de maneira completa, ou seja, em um único texto, sobre todas as características desse verbo que costumam pegar muita gente de surpresa. Isso ocorre porque, de modo geral, a maioria das escolas de Inglês tendem a optar por uma explicação sobre o verb to be que insira de forma gradual os diversos conceitos que estão ligados a esse verbo. A gente também escolheu introduzir esses aspectos de maneira gradativa, só que agora chegou a hora de falamos sobre como usar o verbo to be de maneira completa.

Se após ler esse texto, você ficou com alguma dúvida, pode deixar o seu comentário! A gente sempre faz questão de responder todos os nossos leitores! Outra coisa, é que sempre sugerimos aos internautas que curtam a nossa página oficial no Facebook para ficarem por dentro de todas as nossas novidades e dicas de Inglês!

Curtir página do Facebook

Como usar o Verbo to Be: Explicação do Verbo to Be com o sentido de estar no presente

A gente sempre aprende nas escolas de Inglês que o verbo to be contém o sentido de ser e estar, porém o que percebo  é que na maioria das explicações isso tende a não ficar claro. Primeiro porque é muito estranho dizer que uma única palavra contém o sentido de ser e estar quando na nossa própria língua são duas coisas completamente diferentes.

verbo to be em inglês
Como usar o verbo to be em Inglês: ser ou estar, eis a questão. O blog Inglês no Teclado te explica!

Segundo porque dizer que o verbo to be significa estar não significa muita coisa. Quer ver?

Na nossa língua, quando usamos o verbo estar, a gente raramente diz coisas como:

  • eu estou cansado
  • ela está na escola
  • João está com fome

Isso porque esse é o Português formal que, na maioria das vezes, aparece na forma escrita. É muito mais comum dizermos:

  • cansado
  • ela na escola
  • João com fome

Esse detalhe, por mais que singelo, costuma abrir a mente de quem quer aprender a como usar o verbo to be em Inglês. É que se você consegue perceber que o verbo to be é o equivalente a “tá”, “tô”e por aí vai, muitas dúvidas são dizimadas. Veja como ficariam os exemplos acima em Inglês:

  • I am tired = eu tô cansado
  • She is at school = ela tá na escola
  • John is hungry = John tá com fome

Concentre a sua atenção no primeiro exemplo (tô cansado). Uma diferença entre ambas as línguas é que no primeiro caso, omitimos a palavra “eu”. Você pode muito bem dizer “eu estou cansado”, “eu tô cansado” ou “tô cansado”. Já na língua inglesa, essa possibilidade não existe. Isso significa que você deve dizer I am. Não é permitido a você dizer ‘am tired’ sem o uso da palavra ‘I’ que significa eu. A forma deve ser completa, isto é, I am tired = eu tô cansado. Até agora, destaquei apenas o caso de usarmos “tô” e “tá”, mas isso é válido para todos os outros casos como “tamo lá fora te esperando” e “tão de saco cheio da sua falta de respeito”.

  • estou  = tô
  • está = tá
  • estão = tão
  • estamos = tamo

Dessa forma, há uma regra muito simples em Inglês que você deve lembrar para dizer tô, tá, tão, tamo e por aí vai. A regra é de acordo com o pronome pessoal (eu, você, ele, eles…) ou simplesmente com o sujeito (Pedro, o cachorro, a escola, Maria e Ricardo). Está correto montar frases como nos exemplos abaixo?

  • Ricardo cansado. (incorreto)
  • Maria e Thiago na escola. (incorreto)
  • A escola tão falida. (incorreto)

É claro que não! É por isso que você tem que saber as equivalências entre o Português e Inglês para não construir frases erradas como as frases que apresentamos acima. Dessa forma, a regra define que a gente associe os pronomes em três grupos para sabermos se vamos usar “tá, tô, tamo” e assim sucessivamente.

  • I (eu)
  • He (ele), she (ela), it (ele/ela)
  • You (você/você), we (a gente/ nós), they (eles/elas)

Um detalhe sobre os pronomes pessoais que apresentei acima é que na nossa língua inexiste o pronome pessoal it. Não é possível encontrar uma única palavra equivalente  a essa em Português. Grosso modo, essa palavra serve para se referir aos animais, coisas ou situações. Já falamos sobre ela de forma mais completa no texto: IT – como usar it em Inglês. Vale super a pena dar uma lida. Você também pode ver um vídeo (clique aqui) em que explicamos como usar o pronome pessoal it.

Outro detalhe que costuma causar estranheza é quanto ao uso de uma única palavra em Inglês para você e vocês (you), da mesma forma que ocorre com we (nós ou a gente) e they (eles ou elas). Isso é realmente intrigante porque a primeira coisa que nos perguntamos é como diferenciar:

a gente cansado x nós estamos cansados

Não se preocupe com isso, porque uma vez que você aprender a associar a conjugação do verbo corretamente (diferenciar as formas do verbo to be), não vai fazer qualquer diferença, já que ambas as frases possuem o mesmo sentido.

Veja o grupo que você deve memorizar se quiser aprender a como usar o verbo to be em Inglês corretamente. 

  • I ——> am
  • He, she, it  ——>  is
  • You, we, they ——> are

Então, se você quiser construir frases com o verbo to be, deve estar ciente da forma que ele assumirá para cada caso. Veja abaixo alguns exemplos de frases com o verbo to be usando essas conjugações que apresentamos.

Ex: I am at work  = tô no trabalho

Ex: She is bored = ela tá entendiada

Ex: They are happy = eles estão felizes

Ex: We are sad = a gente tá triste = estamos tristes

Logo, seguindo o raciocínio acima com frases em Inglês com o verb to be escritas de maneira incorreta:

  • Ricardo cansado = Ricardo am tired (incorreto)
  • Maria e Thiago na escola = Maria and Thiago is at school (incorreto)
  • A escola tão falida = The shcool is broken (incorreto)

Um macete que eu costumava ensinar aos meus alunos na época em que eu era professora era: se você está na dúvida sobre qual a conjugação do verbo to be a ser adotada, analise a possibilidade de substituir o sujeito da frase por um dos pronomes pessoais, já que se você tiver memorizado a associação correta entre pronomes pessoais em Inglês e a conjugação do verbo to be, não tem erro. 

Por exemplo, para as frases:

  • o gato está com fome
  • a camiseta está sujá
  • Maria tá na escola

O gato pode ser substituído por it (como vimos acima). A palavra camiseta também pode ser substituída por it e Maria pode ser substituída por she (ela). Daí basta lembrarmos da regrinha que diz o seguinte:

  • I ——> am
  • He, she, it  ——>  is
  • You, we, they ——> are

Feita essa análise, as frases em Inglês com o verbo to be ficam:

  • It is hungry
  • It is dirty
  • She is at school

Esse é um macete que lhe ajuda a fixar como usar o verbo to be em Inglês, além é claro de assimilar com maior clareza o seu uso. Veja como é super fácil, depois que você consegue sacar esse aspecto simples, porém importante em Inglês:

Ex: I am home.

Ex: She is sick.

Ex: We are hungry.

Espero que você tenha aprendido a como usar o verbo to be com o sentido de estar. Além do dilema ser x estar em Inglês, outra coisa que faz muita gente ficar de cabelo em pé é quanto as contrações do verb to be. Contrações (chamadas de aglutinação vocabular) também existem na língua portuguesa, apesar de menos comuns. Veja abaixo:

  • gota de água = gota d’água
  • pingo de ouro = pingo d’ouro
  • pau de alho = pau-d’alho

Na língua francesa, a aglutinação vocabular também ocorre. É sabido que na língua inglesa isso ocorre muito e você deve aprender a usar contrações do verb to be. Veja na tabela abaixo como exatamente elaborar frases com contrações em Inglês.

Frase com verbo to be sem contraçãoFrase com verbo to be com contraçãoTradução da frase
I am homeI’m hometô em casa
She is sickShe’s sickela está doente
Bob is hungryBob’s hungryBob está com fome
We are happyWe’re happya gente tá feliz

Note que para fazer contrações do verb to be em Inglês, você deve usar o apóstrofo – que nada mais é do que essa vírgula invertida no topo das palavras.

  • am dá espaço à ‘m
  • is dá espaço a ‘s
  • are dá espaço a ‘re

Podemos fazer contrações com o verb to be tanto com nomes (segundo exemplo de baixo para cima: Bob) quanto pronomes (todos os outros exemplos). Eu também poderia construir frases como:

Ex: The cat’s hungry = o gato está com fome

Ex: The dog’s tired = o cão está cansado

Ex: The store’s closed = a loja está fechada

Se você estiver se perguntando como montar frases na negativa com o verbo to be, saiba que não há segredo! Nesse caso iremos optar pela palavra not para embutir o sentido de negativa. É que uma coisa é você dizer tô em casa, outra eu não estou em casa. Concorda?

Confira a tabela abaixo e compare as frases com o verbo to be na negativa.

Frase com o verbo to be na afirmativaTradução da frase Frase com o verbo to be na negativaTradução da frase
 I am homeeu tô em casaI am not homenão tô em casa
She is sickela tá doente She is not sickela não está doente
We are hungry a gente tá com fomeWe are not hungry a gente não tá com fome

Viu como é simples fazer o uso da palavra not em Inglês? O único detalhe que você deve ficar ligado é quanto a posição da palavra not uma vez que se compararmos ambas as línguas evidenciamos que not aparece depois do verbo to be em Inglês e na nossa língua ‘não’ vem antes de ‘tá, tô’ e as outras conjugações do verbo estar- inclusive no primeiro exemplo em que omitimos a palavra ‘eu’ ou I em Inglês.

Já falamos em um outro artigo super completo sobre como usar a palavra not em Inglês e você tem acesso a esse texto——> (clicando aqui).

Outro aspecto extremamente importante para montar frases com o verbo to be na negativa é um outro tipo de contração entre palavras que ocorre com muita frequência. Apesar de já termos falado sobre a contração entre pronomes e o verbo to be, você deve estar ciente do segundo tipo de contração que existe entre o verbo to be e not. Isso mesmo, além daquela contração que apresentamos anteriormente, existe um segundo tipo de contração que você deve dominar de vez!

Verbo to be + not sem contraçãoTradução da frase Verbo to be + not com contração Tradução da frase
 I am not tirednão tô cansadoNÃO EXISTEnão tô cansado
She is not sickela não tá doente She isn’t sickela não tá doente
We are not hungry a gente não tá com fomeWe aren’t hungry a gente não tá com fome

Novamente, repare que para fazer contrações do verb to be em Inglês, você deve usar o apóstrofo – que nada mais é do que essa vírgula invertida no topo das palavras.

  • am + not = não existe contração
  • is + not dá espaço a isn’t
  • are + not dá espaço a aren’t

Porque inexiste contração entre am + not? Éssa é uma convenção da gramática inglesa. Bom que você tem que se preocupar com menos coisas.  😆

Então, sintetizando o que vimos até agora. Existem dois tipos de contrações com o verbo to be. Contrações com o verb to be e o pronome ou nome, enfim, o sujeito da ação e contrações com o verb to be e a palavra not. Ocorre, entretanto, que você deve optar por um tipo de contração ou o outro e não as duas ao mesmo tempo. Isso implica em frases como:

She is not sick = she’s not sick = she isn’t sick

Para completar essa explicação (contração com o verbo to be e outros extremamente detalhes importantes), sugerimos que você veja um vídeo em que explicamos sobre como usar o verb to be em Inglês! Dá play!

Como usar o Verbo to Be: Explicação do Verbo to Be com o sentido de estar no passado

Da mesma forma que vimos acima, é possível usarmos o verbo to be no passado. Por exemplo, você diz em Português:

  • Ontem estava chovendo
  • João e Maria estavam limpando a escola
  • Eu estava muito cansado

O que se traduz, na verdade, em frases como:

  • Tava chovendo
  • João e Maria tavam limpando o banheiro
  • Eu tava muito cansado

Se você quer dominar o uso do verbo to be em Inglês, aprenda a usá-lo de forma completa. Nesse caso, não iremos optar pelas formas am, is ou are. Claro! Naquele caso estávamos trabalhando com “tô, tá, tão” etc. Agora estamos trabalhando com “tava e tavam”. Observe nos exemplos acima.

Nesse caso, a regra para usar o verb to be no passado, é ainda mais simples, pois como na língua Portuguesa, existem apenas duas opções. Iremos nos basear no plural e no singular como em eu estava x eles estavam.

  • I, he, she, it  – ——> was
  • You, we, they ——> were

Para os exemplos, as frases em Inglês como o verb to be ficam:

  • It was raining
  • João and Maria were cleaning the bathroom
  • I was very tired

Para completar a explicação leia: Was e Were no Simples Past.

Como usar o Verbo to Be: Explicação do Verbo to Be com o sentido de ser no presente

Agora que já falamos sobre sobre o verbo estar em Inglês, vamos dar uma olhada no outro papel desse verbo que é o sentido de ser em Inglês. Antes de iniciarmos a explicação, confira os seguintes exemplos:

  • Eu sou o Daniel
  • Ela é uma blogueira famosa
  • Eles são americanos

Considerando que já aprendemos a usar o verb to be em relação a conjugação associada aos pronomes pessoais, nesse momento, iremos aprender a usá-lo com o sentido de ser em Inglês. Como eu disse no começo desse texto, muitos estudantes ficam pasmos quando são ditos que um único verbo pode ser empregado para traduzir frases como: eu tô cansado e eu sou o Daniel. Mas essa é a mais pura verdade! Se você viu o vídeo acima, já vai estar por dentro desse sub-tópico. Se não viu ainda, sugerimos dar play porque a explicação no vídeo realmente abre a mente! O verb to be realmente tem essa função na língua inglesa. Compare os exemplos abaixo:

Ex: I am Daniel.

Ex: She’s a famous blogger.

Ex: They are Americans.

As regras para escolher as formas am x is x are  e verb to be na negativa continuam sendo a mesmas que apresentamos acima. Se você quiser ver mais exemplos de como combinar o verbo to be em Inglês com adjetivos como em: ela é chata, ele é rico, somos felizes, recomendamos que veja os 10 exemplos disponíveis no texto: Como empregar o verbo to be + Adjetivo. Uma verdadeira mão na roda!

Como usar o Verbo to Be para perguntas em Inglês?

Montar perguntas com o verbo to be é uma tarefa muitas vezes ingrata para quem ainda está aprendendo a usá-lo. Isso porque é diferente do formato que adotaríamos em se tratando de perguntas com o verbo ser e/ou estar na nossa língua. Uma coisa é dizer coisas como:

  • Você é o Daniel?
  • Ela está doente?
  • Eles estão felizes?

E na afirmativa ou na negativa, simplesmente dizermos coisas como:

  • Você (não) é o Daniel
  • Ela (não) está doente
  • Eles (não) estão felizes

Simplesmente modificamos a intonação na medida em que adotamos o símbolo de interrogação. Estaria totalmente incorreto caso você adotasse essa mesma filosofia na língua inglesa, construindo frases do tipo:

  • You are Daniel? (incorreto)
  • She is sick? (incorreto)
  • They are happy? (incorreto)

Repare que o que fizemos foi simplesmente adicionar uma interrogação para montar perguntas. É que para montar perguntas com o verbo to be, você deve alterar a posição do verbo to be na frase. Exatamente! A ordem das palavras irá ser alterada. Assim, em se tratando de perguntas com o verbo to be, é essencial procedermos com essa modificação para apontarmos se tratar de uma pergunta e não uma frase na afirmativa ou na negativa. Veja a tabela abaixo e compare.

 Frase na afirmativa Frase na negativa Pergunta com o verbo to  Tradução da pergunta
 You are Daniel You are not Daniel Are you Daniel? Você é o Daniel?
 She is sickShe isn’t sickIs she sick?Ela está doente?
 They are happyThey’re not happyAre the happy?Eles tão felizes?

Viu como a ordem das palavras foi mudada no caso de perguntas com o verbo to be? Para perguntas, o que faremos é posicioná-lo logo no começo da pergunta, dessa forma indicamos se tratar de uma pergunta. Isso gera muita confusão entre estudantes da língua inglesa, pois se habituam a aprender apenas associando similaridades entre a língua e não se atentam a desvendar as diferenças (o que realmente faz alguém aprender);  não estou dizendo que você deve sempre usar a língua portuguesa como um a ferramenta para aprender outra língua – até porque esse não foi o meu caso. Você pode se inteirar da minha história nesse texto ——–> (clique aqui).

Essa história é válida tanto para perguntas com o verb to be no presente quanto verb to be no passado. Dessa forma, no caso do verb to be no passado onde temos was e were como duas opções, ao realizar uma pergunta no passado com o verbo to be, você deve posicioná-lo logo no começo da frase.

Sugiro que você leia o texto: Como fazer perguntas com o verbo to be no passado para reforçar o que você aprendeu até agora.

Exercícios com o verbo to be em Inglês: confira as respostas

Agora que aprendemos o bê-a-bá de como usar o verbo to be em Inglês, vamos fazer alguns exercícios para treinar o que aprendemos até aqui. Complete as frases abaixo.

1) __________ you sick?

2) __________ she tired?

3) Daniel __________ sick.

4) John __________ not home.

5) Yesterday, Paul and Samantha __________  very tired. Today they are __________   tired.

6) Where are you? __________ you home?

7) I __________ sick two weeks ago.

8) I’m__________ sick anymore.

9) __________ Bob tired last night?

10) __________ you there?

Respostas: 1 – are / 2 – is / 3 – is / 4 – is / 5 -were / 6-are / 7- was/ 8 -not / 9- was/ 10 – were

Então é isso. Se você ainda tem alguma dúvida sobre como usar o verbo to be em Inglês, deixe o seu comentário abaixo! Se esse é o seu primeiro acesso ao blog Inglês no Teclado, curta a nossa página oficial no Facebook e ajude a gente a divulgar o nosso trabalho. É rapidinho!  😉

Curtir página do Facebook

Download PDF

Comentários

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta