Listening Avançado e Listening Proficiente: Como É?

“Listening Avançado” sempre foi a preocupação da maioria das pessoas que deseja dominar a língua inglesa. Eu senti isso na pele quando fiz um intercâmbio para os Estados Unidos em 2007 e me colocaram para trabalhar no telefone de um restaurante bem como atendimento direto com clientes. Assim que cheguei lá, meus ouvidos pareciam estar imundos, como se houvesse uma portinhola enferrujada entre o som que entrava pelos canalículos e o meu cérebro. Foi um choque.

Passados meses conclui que fui abençoada com a imersão e, desde então, mantenho um nível de escuta em inglês proficiente (e não avançado) capaz de invejar muita gente, modéstia à parte. Trabalhar no telefone e principalmente com clientes de todos os cantos do mundo foi uma dádiva aos meus ouvidos – ah! Se foi…

Nesse novo artigo do Inglês no Teclado vou falar sobre como é a sensação de ter o listening avançado ou listening proficiente. Essa segunda condição designa uma capacidade auditiva ainda mais refinada do que a escuta avançada em inglês.

Eu nunca comentei com ninguém sobre isso, mas acho que vale a pena me abrir por seu uma experiência incrível e justamente para incentivar mais pessoas a alcançar um nível de proficiência absurda que vai lhe ajudar a cada vez mais melhorar o inglês. Lembre-se que esse se trata apenas de um relato, logo o que você irá conferir abaixo pode não ser a mesma sensação de outros ouvintes.

Como Era A Minha Captação

Assim que ganhei confiança completa para escutar qualquer coisa em inglês, comecei a comparar a minha condição anterior a atual. A captação anterior se dava da seguinte forma: uma pessoa me dizia algo e eu entendia palavra por palavra imediatamente (de maneira simultânea a fala do emissor) ou não captava nada. No exato momento da fala (sem qualquer tipo de atraso) era o que ocorria. Para ser sincero, essa é a parte que mais incomoda estudantes de inglês, já que é como se não houvesse um meio termo, ou se capta tudo ou não se capta nada e se fica a ver navios por contada frustração e nervosismo que favorecem esse quadro repetitivo.

Listening Avançado Em Inglês

O listening avançado é aquele no qual quem escuta ouve diversas palavras sequenciais proferidas claramente ainda que emitidas numa velocidade considerável e em um cenário de fala constituída por gírias, expressões idiomáticas, phrasal verbscollocations, gap fillers, reduções vocálicas, connected speech e até mesmo transgressões linguísticas. Nesse estágio, podem ocorrer misturas de linguagem coloquial com adloquial que ainda assim o audiente não tem dificuldades significativas para, habilidosamente, receptar o que foi dito ou está sendo dito por alguém, mesmo que com lacunas.

Listening Proficiente Em Inglês

Quando turbinei a minha escuta com força total, percebi que o meu cérebro passou a se ajustar de tal forma a não permitir vácuos na compreensão auditiva.  Como foi explicado acima, na escuta avançada em inglês, apesar de o audiente se sentir confiante, ele pode, mesmo que inconscientemente, deixar parte da fala passar batida. Naquele estágio ainda é exigido dele certa atenção na fala para justamente evitar falhas de captação. Além disso, o audiente, quando solicitado a repetir o que foi dito, não raro se esquece e a reprodução é impactada.

No listening proficiente, não ocorre (ou praticamente isso) a dualidade do tipo se escuta tudo ou não se escuta nada. O processo é bem diferente. O nervosismo aqui não surti efeito como no nível avançado e o alto nível de atenção não é requerida.

Agora a parte mais importante. Nesse estágio, o proferimento pode ser recepcionado com um atraso de meio segundo ou muitas vezes nem isso – um décimo de segundo, mas a captação se dá de forma plena. A parte mais esplendida disso tudo é que é mesmo estando distraído ou em um modo de atenção menos ativo, o encéfalo do captador se ajusta nesse mínimo intervalo assim que cessada a fala do emissor,  entregando ao audiente o pacote completo – mesmo que ele não tenha ouvido cada palavra citada pelo emissor de maneira bem definida.

O indivíduo de listening proficiente escuta e as palavras, ainda que borradas – fazendo uma analogia à visão – são desembaçadas neurologicamente. É como o teste do psicotécnico. Mesmo que as letras exibidas na lente estejam borradas, você é capaz de decifrá-las. E isso não se dá pelo “contexto” como muitos frequentemente alegam. Também não se dá com esforço como ocorre no exame psicotécnico – é na verdade um ato totalmente involuntário.

Uma melhor analogia do ritual proficiente é a da visão que na fonte está invertida, mas o cérebro a desvira nos dando a exata referência de suas posições. É, como dito, um ato involuntário. No listening avançado há sim, ainda que de maneira parcial, uma dedicação mais intrusiva daquele que escuta, isto é, há deliberadamente um esforço para se captar o som.

O que mais me desperta atenção para esse “fenômeno” é que esse intervalo entre a fala de alguém e a tradução perfeita ou “desembaçamento” do cérebro proficiente é imperceptível, não afeta em nada a comunicação entre pessoas.

Então é isso. Esse é o meu relato e opinião sincera sobre o listening avançado e o listening proficiente em inglês. Para contar com a nossa ajuda e continuar aprendendo inglês online, conheça o nosso canal de inglês no Youtube. No momento milhares de pessoas de todo o mundo acompanham o nosso trabalho por lá. Essa é uma excelente oportunidade para você aprender inglês online e ainda contar com a nossa cooperação para turbinar o seu conhecimento [clique aqui para conhecê-lo].  No Facebook, sempre avisamos quando há novidades por aqui como dicas, artigos e textos novos. Ajuda a gente, é rapidinho!  😉

Curtir Página do Facebook

[imagem desse texto]
Download PDF

Comentários

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta