Desistência Ou Mudança de Planos: I was going to | They Were Going To

Hoje vamos aprender a como usa I was going to ou They were going to para falar sobre mudança de planos (ou desistência). Aqui na nossa página você encontra diversos artigos sobre essa estrutura do inglês. É que cabe dizer: Nesse texto não irei falar sobre como estruturar as frases com essas estruturas. A ênfase estará direcionada a uma das utilidades dessa combinação de palavras – a um de sues contextos empregáveis. Assim, caso você queira checar o grosso sobre esse assunto saiba que alguns dos nossos artigos mais famosos sobre o tema são os elencados abaixo.

Was Going e Were Going: Como Usar?

Exercícios com WAS e WERE Resolvidos (com respostas)

Pois bem. Dito isso, vamos ao que interessa. Se você ficar com alguma dúvida ao final, é só comentar ao final – combinado, caro leitor / cara leitora?

Desistência Ou Mudança de Planos: I was going to

Usamos a estrutura I was going to e todas as suas variações para revelar que houve uma mudança de rota em nossos planos. Assim se, por exemplo, estou a caminho de uma festa e desisti porque os meus filhos estava doentes, lanço mão de I was goin to. Igualmente, se desejo narrar que alguém iria fazer algo, mas houve um contratempo e ela desistiu, opto pela mesma estrutura.

Em Português, um exemplo que vincula o sentido dessa estrutura do inglês é: eu ia fazer um papel secundário, mas acabei ficando com João. Ela se restringe apenas a essa função de mudança de planos? Não. Aqui estamos aprendendo apenas uma das vertentes dela. Fique atento a esse detalhe.

Para formar frases com essa estrutura, optamos por uma alternativa de cada uma das colunas abaixo.

Pronome Pessoal (sujeito)Was going to ou  Were going to?VerboObservação: Formato do verbo
I | He | She |ItWas going toplayforma basal
You | They | WeWere going tostudyforma basal

Dessa forma, eu posso montar frases como:

Ex: I was going to study, but I got lazy.

[eu ia estudar, mas fiquei com preguiça]

Em que eu apresentou o motivo / a razão da minha desistência ou mudança de plano na segunda frase. Observe outro exemplo:

Ex: We were going to study, but the light went off suddenly.

[a gente ia estudar, mas a luz acabou de repente]

Observe que o segundo evento é responsável pela não concretização de algo (primeiro evento). Assim, pode haver um cancelamento, uma desistência ou uma mudança de planos.  Esse é basicamente um dos usos dessa estrutura. Ao escolher entre was ou were você deve ficar atento ao sujeito que poderá vir em formato de pronome pessoal ou nome. Logo, se você possui, por exemplo, John and Bob, lembre-se de que estamos diante de ‘eles’ que, em inglês, é they – o que implica em uma formulação de frase com were, conforme o nosso quadro acima. Além disso, o verbo deverá sempre vir no formato basal. Confira abaixo o que queremos dizer com isso:

  • I was going to play… [certo]
  • I was going to to play… [errado]

Além disso, em relação a segunda parte, que surge após a menção do primeiro evento (aquela que vem após a vírgula), fique atento. Ela deverá vir no passado simples. É como ocorrer em português, e ia fazer tal coisa, mas decidi….ela ia compra um carro, mas comprou uma moto…

Dessa forma, tanto o verbo decidir quanto o verbo comprar estão no passado simples (o que vale para a língua inglesa).

Por fim, devo ressaltar que os erros mais recorrentes entre estudantes de inglês quando lidam com esse tema são:

  • Optar pelo formato errado do verbo (was / were);
  • Conjugar o verbo que vem logo após a estrutura was going / were going em formato inadequado;
  • Conjugar o verbo que vem após a vírgula em formato incorreto;

Ficou com alguma dúvida após essa explicação do blog inglês no teclado? Basta comentar abaixo. Fazemos questão de ajudar os nossos leitores. Se possível por favor curta a nossa página oficial no Facebook. Esse é um modo super democrático de divulgarmos o nossos trabalho.  😉

Download PDF

Comentários

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta